Fies 2019 Inscrições

Programa Fies 2019 já tem cronograma de inscrição para oferta de vagas aos estudantes que vão pedir financiamento estudantil nos cursos já matriculados em 2019 e para as pessoas que vão ingressar em graduação paga no primeiro semestre e desejam pagar o curso através do Fundo Estudantil do Mec. Leia mais informações para saber mais sobre o Fies primeiro semestre 2019 e informações sobre as mudanças no Fies, que são divisões que o Mec fez para que os estudantes possam pagar juros mais baixo ou juro zero.



Fies 2019 Inscrições

São abertas para processo seletivo de mais de 500 mil candidatos que vão pedir financiamento estudantil em cursos de graduação oferecidos em instituições privadas e aprovadas pelo Mec como Faculdade Senac, Faculdade Senai, Anhanguera, Estácio de Sá, PUC, Pitágoras, Braz Cubas, Uninassau, São Camilo e muitas outras do Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Distrito Federal, Minas Gerais, Pernambuco, Amazonas e demais regiões.

Candidato que deseja participar desta edição do Fies deve ter feito o exame Enem de uma das edições entre 2010 e 2018 e ter obtido média de 450 pontos na prova sem zerar a redação e ter renda familiar de até 3 salários mínimos por pessoa. Se passar no processo seletivo e conseguir vaga poderá pedir financiamento no curso superior pago no primeiro semestre 2019. Podem pedir o financiamento também os estudantes que ganharam bolsa parcial do Prouni.

Novo Fies 2019

Fundo de Financiamento Estudantil – FIES sofreu mudanças em 2018 e com essas mudanças muitas pessoas com pouca condição financeira podem ser beneficiadas. O fies foi divido em duas modalidades, veja abaixo :




Primeira modalidade Fies que funciona como fundo garantidor – esse fundo deve garantir juros zero no Fies com recursos da União, entre Fies e universidade, para estudantes com renda familiar de até 3 salários mínimo por morador. Para esse público serão oferecidas cerca de 100 mil vagas por ano e o aluno que conseguir vaga através desse fundo vai começar a pagar parcelas baixas que correspondem apenas 10% da renda familiar mensal;

Segunda modalidade Fies/P-Fies – nessa tem a participação de fundos constitucionais e a participação do BNDES – Banco Nacional e Desenvolvimento Econômico e Social, e devem ser ofertadas cerca de 450 mil vagas para pessoas com renda familiar de até 5 salários mínimos por pessoa. Candidato que conseguir vaga por meio dessa modalidade deve pagar juros abaixo, apenas 3%.

Com essa medida do Mec muitas pessoas vão poder realizar o sonho de fazer graduação paga em excelentes instituições do ensino superior. O Fies cobrava 6,5% de taxa de juros por ano e essa taxa para algumas pessoas é muito alta, dependendo da renda o aluno paga a cada três meses de R$ 50,00 a R$ 150,00 durante o tempo de estudo. As parcelas do curso são pagas depois que o curso acaba.




Então, quem deseja concorrer as vagas juros zero do Fies 2019 e participou de umas das edições do Enem a partir de 2010 pode se inscrever este ano de 2019. Fies abre inscrições no começo de cada semestre, para ingresso de alunos no ensino superior pago no primeiro e segundo semestre.

Fazer inscrição Fies 2019

Inscrições Fies devem ser realizadas no site fiesselecao.mec.gov.br de 07 a 14/02/2019.

Para saber quais instituições estão participando do Fies 2019, entre no site acima e vá em pesquisar vagas. Observe quais instituições de sua cidade têm vagas para o curso desejado para então se inscrever. Primeiro deve ser feito o cadastro por meio do CPF, data de nascimento, e-mail e senha. Depois é só aguardar que vai chegar uma mensagem por e-mail para validar o cadastro e fazer a inscrição com os dados pessoais, curso e instituição. Resultado sai dia 25/02 e a partir de 27/02 abre a lista de espera.

Candidatos inscritos e pré-selecionados vão confirmar inscrição no SisFies sisfiesportal.mec.gov.br de 26/02 a 07/03/2019. Quem não conseguir vaga na primeira etapa de inscrição pode tentar vaga por meio das Vagas Remanescentes Fies 2019.

Confira mais informações no Portal do Mec
portal.mec.gov.br/estudante-de-baixa-renda-pode-viabilizar-seu-curso-com-o-fies